É urgente a conscientização sobre a doação de órgãos no Brasil.

De Setembro a Outubro, a BPW Curitiba aborda o tema por meio da Campanha Doando Vidas.

De acordo com os dados da Secretaria de Saúde do Governo Federal, o Brasil é o 2º maior transplantador do mundo, atrás apenas dos EUA, e possui o maior sistema público de transplantes. A rede pública de saúde fornece aos pacientes assistência integral e gratuita, incluindo exames preparatórios, cirurgia, acompanhamento e medicamentos pós-transplante. 

Todo esse serviço é coordenado com prioridade e envolve também as Forças Armadas para o traslado de emergência dos órgãos e do receptor compatível. Embora exista toda essa estrutura prontificada, as estatísticas do Sistema Nacional de Transplantes (SNT), com base nos dados de dezembro de 2021, apontam mais de 54 mil pessoas no Brasil aguardando por um órgão. Só no Paraná, são mais de 2 mil pessoas. 

Esse número poderia ser bem menor se a autorização para o transplante fosse concedida imediatamente pelas famílias enlutadas. Para isso, é preciso conscientização.

A Business Professional Women (BPW) foi fundada em 1930 em Genebra, na Suíça, pela Dra. Lena Madesin Phillips. Dessa época até hoje, já existe em mais de 108 países no mundo. No Brasil como Federação, a organização foi implantada em 1980. Hoje somos 25 BPW´s no Brasil, nas cinco regiões.

A BPW Curitiba, uma organização sem fins lucrativos de mulheres profissionais e empresárias, vem atender ao chamado nacional da BPW Brasil, para participação na Campanha Doando Vidas: órgãos, tecidos, cabelo e leite materno. A campanha tem o apoio de outras organizações e empresas como o Rotary Clube Distrito 4730, Rotary Clube de Curitiba Av. das Torres, Clube da Alice, Associação das Amigas da Mama, Studio Beauty, Torriton e as agências de comunicação Flash Curitiba e Pinha Comunicação.

O objetivo da Campanha Doando Vidas, é conscientizar sobre a importância da doação de órgãos e tecidos e incentivar as pessoas a comunicarem para suas famílias, a vontade de ser doador. Além disso, estimular a doação do leite materno para os recém-nascidos.

No mês de Outubro, mês da conscientização nacional sobre o câncer de mama, a campanha Doando Vidas será direcionada para a doação de mechas de cabelo com o tema “Cada Mecha Importa” em benefício da Associação Amigas da Mama (AAMA). 

A Associação foi fundada em 2001 por mulheres que vivenciaram o câncer de mama. Hoje, através de voluntariado, revertem a experiência que tiveram em prol de outras mulheres que precisam de apoio para enfrentar a doença. Entre os serviços de acolhimento, a AAMA oferece perucas gratuitamente, para serem usadas durante o tratamento do câncer, resgatando a autoestima dessas mulheres. São atendidas na AAMA, cerca de 30% dos novos casos de câncer de mama em Curitiba (Fonte INCA). 

Em 2019, foram atendidos 399 novos casos e centenas de casos com recidiva e outras patologias oncológicas, num total de 4.748 pessoas. Em 2020, apesar das restrições impostas pela pandemia de COVID-19, foram atendidos na AAMA 253 novos casos, em um total geral de 964 atendimentos, além de promoção de dezenas de encontros, reuniões, palestras e workshop on-line. Em 2021 a AAMA atendeu 247 novos casos de câncer de mama e 1348 atendimentos em geral. Continuando com atendimentos agendados e alguns on-line. Até agosto de 2022 a AAMA atendeu 128 novos casos de câncer de mama e 1570 atendimentos em geral.

Estes dados nos mostram a importância das campanhas de conscientização da prevenção e das doações de cabelo. CADA MECHA IMPORTA!

Acompanhe e participe dessa ação nas redes sociais da BPW Curitiba, pelo instagram e facebook @bpwcuritiba. Mais informações no site www.bpwcuritiba.com.br.

Deixe um comentário